15%
A Tradição do Graal em Portugal
A Tradição do Graal em Portugal

A Tradição do Graal em Portugal

Editora: Zéfiro ISBN: 9789896771898

21,17 €   24,90 €
Desconto de 15%. Poupe 3,74 €. IVA incluído.

Adicionar à lista de desejos

Espreite o Interior
Índice e Excerto (PDF)

PRÉ-VENDA. Válido de 17 de set. 2022 às 0:00 até 9 de out. 2022 às 0:00


ECOS DO IMAGINÁRIO CAVALEIRESCO PORTUGUÊS

de Nuno Ferreira Gonçalves


SINOPSE

Na sua essência, o simbolismo do Graal apela à interioridade, à iniciação, à transformação e à superação. Desvela ao buscador atento uma série de valores genuínos como um "tesouro difícil de alcançar". Buscá-lo não tem por meta possuí-lo, antes sê-lo, algo fundamental para o nosso tempo, em que a complexidade de "ter" precisa de ser gradualmente substituída pela simplicidade de "ser".

A demanda do Graal é uma experiência religiosa, íntima, vertical e supra-confessional que encontra um eco profundo na "alma lusa". Ela reflecte um anseio semiconsciente, individual e colectivo; uma espécie de "nostalgia do impossível", ou saudade inefável de um lugar sem tempo, que existe apenas na eternidade.

«Um estudo sistemático, desenvolvido e esclarecido sobre a tradição e o imaginário da Demanda do Graal na história e na cultura portuguesas.

Partindo dos arquétipos mítico-simbólicos universais do Graal e da sua expressão nas tradições pagãs, cristã e islâmica, Nuno Gonçalves traça o roteiro da sua presença na cultura galaico-portuguesa, destacando a sua evolução na constituição mito-histórica de Portugal. Reconhecendo a anterioridade do tema do Graal em relação à sua leitura cristã, o autor nota bem como, no seio desta, se cruzam abordagens ortodoxas e heterodoxas que, em vez de se combaterem, se fecundam mutuamente.

A par das muitas vias hermenêuticas que este livro abre, o autor tem ainda o inestimável mérito de assumir que a demanda do Graal assume na situação crítica da nossa contemporaneidade uma urgente actualidade. Com efeito, trata-se antes de descobrir a essência mais íntima e universal do que é e do que somos. Estamos perante um imperativo de despertar da consciência que a emancipe da ficção da separação entre si e os outros ou entre o eu e o mundo.»

Paulo Borges
in Prefácio



BIOGRAFIA

Nuno Ferreira Gonçalves, natural de Cascais, nasceu no dia 15 de Outubro de 1969. É músico formado pelo Conservatório Nacional e docente na área do ensino musical desde 1992. Mestre em Ciência das Religiões pela Universidade Lusófona, tem-se dedicado com profusão ao estudo comparado das religiões e filosofias do mundo, bem como à investigação do imaginário mítico e do património simbólico portugueses. Conferencista prolífico, participa regularmente em congressos, palestras e seminários dedicados à tradição mítico-espiritual portuguesa.

É autor dos títulos Os Obreiros do Grande Ocidente (Chiado, 2015), Os Mistérios do Verbo (Chiado, 2016) e História Secreta da Ordem de Avis (Zéfiro, 2019), bem como de dezenas de artigos na área da filosofia hermética e do esoterismo. Entre 2016 e 2018 colaborou com o Jornal de Sintra, assinando uma rubrica trimestral intitulada Sintra Esotérica dedicada à dimensão simbólica da iconografia sacra, templarismo e mitos históricos sintrenses.

É presidente da Manas Taijasi Associação Cultural Espiritualista, onde dirige um círculo de estudos teosóficos dedicados à obra e pensamento do Professor Henrique José de Souza (fundador da Sociedade Teosófica Brasileira).



DETALHES

Título: A Tradição do Graal em Portugal
Subtítulo: Ecos do Imaginário Cavaleiresco Português
Autor: Nuno Ferreira Gonçalves
Prefácio: Paulo Borges
Editora: Zéfiro
Colecção: Ventos da História
Nº de Páginas: 288
Língua: Português
ISBN: 9789896771898
Ano de Edição: 2022
Encadernação: Capa Mole
Dimensões: 15,7 x 23 x 1,7 cm
Peso: 388 gr


CATEGORIAS

Esoterismo > Templários
Esoterismo > Portugalidade Mística
História > Idade Média
História > Portugal
Espiritualidade > Cristianismo
Autores e Colecções > Zéfiro > Ventos da História
Autores e Colecções > Autores > Nuno Ferreira Gonçalves

Relacionados

×